Câmara retira quarentena eleitoral a magistrados e militares

Os deputados aprovaram na noite desta quinta-feira, 9, um novo destaque de autoria do PSL para livrar da quarentena eleitoral os militares. Mais cedo, já tinha sido aprovado um pedido para tirar da regra magistrados e membros e do Ministério Público.

A proposta original da relatora Margarete Coelho (PP-PI) proíbe militares, policiais, juízes e promotores de concorrerem nas eleições por um período de cinco anos após deixarem seus cargos. Uma regra válida a partir de 2026. Restam agora dentro da regra os policiais civis, mas há um destaque para que eles sejam também retirados, o que irá invalidar a regra da quarentena.

Post a Comment