Edenilson, do Internacional, muda nome para 'macaco' em rede social como forma de protesto

 

O volante Edenilson, do Internacional, decidiu se manifestar nas redes sociais após o Instituto Geral de Perícias divulgar uma nota nesta quarta-feira informando que não identificou racismo de Rafael Ramos, do Corinthians. Com o objetivo de externar sua insatisfação com o laudo, o volante publicou um desabafo, mudou o nome do perfil para "Macaco" e apagou todas as suas fotos do Instagram.

Nos stories do Instagram, Edenilson publicou uma foto com o punho erguido e classificou o combate ao racismo como uma "luta desleal".

"Não iriam nos calar? Já nos calaram. Se ofendidos aceitem, engulam a seco. Finjam que não escutaram, é uma luta desleal, é uma luta inconclusiva", escreveu Edenilson.

Além dos stories, o volante também trocou o nome do perfil para "Macaco Edenilson Andrade dos Santos". O jogador do Internacional ainda fez questão de apagar todas as publicações do Instagram.

Edenilson e Rafael Ramos chegaram a prestar depoimentos recentemente no STJD e ambos mantiveram suas versões sobre o episódio. O caso vem dividindo opiniões de muitos torcedores nas últimas semanas.

O episódio aconteceu no dia 14 de maio, durante uma partida entre Internacional x Corinthians, válida pelo Campeonato Brasileiro. Aos 30 minutos do primeiro tempo, Edenilson acusou Rafael Ramos de ter xingá-lo de "macaco". Apesar do relato do volante, o português nega que tenha cometido injúria racial. Desde então, o caso vem sendo investigado pelas autoridades e muitos esperam que o episódio seja resolvido.

 

 

 

Post a Comment