VENDA DIRETA DE ETANOL É UMA DAS MEDIDAS URGENTES PARA ENFRENTAR IMPACTOS ECONÔMICOS DO CORONAVÍRUS, DEFENDE FEPLANA //

O momento exige celeridade do governo diante do possível a ser feito, tanto quanto dos empresários, para mitigar a crise brava que virá pela frente, e a venda direta de etanol, eliminando a distribuição quando houver usina querendo entregar direto aos postos, vai baratear o preço. Petróleo baixo, gasolina menor, tira mais competitividade do biocombustível e prejudica toda uma cadeia. Ainda mais que desviar cana para mais açúcar não vai adiantar: a menor oferta brasileira corrói os preços da commodity também. Portanto, diante deste pandemônio da pandemia do coronavírus, a Federação dos Plantadores de Cana do Brasil (Feplana) pede ao Governo Federal a adoção de ações imediatas e economia criativa, a exemplo da venda direta de etanol pelas usinas aos postos de combustíveis.
FONTE: InfoMercadorBRhttps://www.youtube.com/watch?v=FYJ7XdG9Uh4

 

Compartilhe: