Médico do Náutico explica situação de Matheus Carvalho: “abaixar poeira pra marcar cirurgia”

A situação das lesões de Matheus Carvalho foi explicada pelo médico do Náutico, Múcio Vaz, na manhã desta quarta-feira, através da assessoria do clube. E, de acordo com ele, “provavelmente já estaria” na hora da cirurgia. Mas, com o procedimento suspenso, devido a pandemia, ainda não é possível definir uma data para a operação do atacante.

espera inicial, de acordo com Múcio, era “proposital” e fazia parte do processo de curar a lesão. Mas, diante do cenário atual, aguardar será uma medida “obrigatória” para o atleta. Como explicado anteriormente pelo médico, o rompimento do ligamento do joelho deve afastar o jogador das atividades do Timbu num período entre seis e sete meses.
“Não estava na época de ser operado, mas provavelmente agora já estaria, porque ele além de lesão do ligamento cruzado, teve uma lesão que a gente chama de canto posterolateral do joelho, e precisaria ficar de três a quatro semanas para curar essa leão para depois refazer, reconstruir o ligamento. Ele ficou aguardando de forma proposital, só que agora as cirurgias eletivas estão suspensas. Estamos aguardando abaixar a poeira para marcar a cirurgia dele”, disse.
Compartilhe: